fbpx
Comportamento

Seu cachorro passa muito tempo sozinho? Saiba como amenizar a saudade que ele sente

Ter um animalzinho demanda atenção, cuidado, carinho e tempo. Quando optamos por ter um bichinho de estimação, precisamos estar preparados para atender a todas as suas necessidades.

Ter um animalzinho demanda atenção, cuidado, carinho e tempo. Quando optamos por ter um bichinho de estimação, precisamos estar preparados para atender a todas as suas necessidades, sejam elas de comida, saúde, amor ou carência. Mas, infelizmente, muitas vezes precisamos deixar o pet sozinho durante um tempo - e isso pode gerar solidão e, até mesmo, afetar o bem-estar dele.

Por quanto tempo posso deixar o meu cão sozinho?

Não existe um tempo máximo recomendado para deixá-lo sozinho - isso depende exclusivamente da personalidade do seu animal. O correto é fornecer estímulos diários para que ele não se sinta sozinho ou abandonado. Para que isso não aconteça, reunimos algumas dicas para deixar a convivência com o seu bichinho a melhor possível, trazendo conforto para você e ele. Confira abaixo:

O que pode causar a solidão ou ansiedade de separação nos cachorros?

Passar muito tempo longe do seu pet pode gerar solidão e comportamentos diferentes nele. Alguns exemplos são:

  • Empolgação exagerada quando você volta;
  • Xixi e cocô fora do lugar;
  • Destruição de objetos;
  • Falta de apetite.

Estes sinais podem indicar que o seu cachorro sente a sua falta, precisa de mais carinho e atenção ou que, até mesmo, é exageradamente independente de você. O que quer que seja, é possível amenizar alguns sintomas com as seguintes dicas:

Aos poucos, treine seu cachorro para que fique sozinho

Se você adotou um cachorro, mas sabe que em alguns momentos ele precisará ficar sozinho, é necessário treiná-lo aos poucos para se acostumar com a situação. Para isso:

  • Ofereça brinquedos e ossinhos;
  • Quando seu peludo estiver entretido, vá para outro cômodo da casa e deixe-o sozinho por um tempo;
  • Quando voltar para a companhia do seu amigo, aja naturalmente e não faça muito estardalhaço;
  • Caso o seu cachorro se sinta ansioso com o barulho de sapatos ou chaves (indicações de que você sairá de casa), experimente utilizar estes objetos e continuar em casa normalmente.

Ao voltar para casa, tente não fazer muita festa

Depois de um período fora de casa, ao retornar para o local, mantenha a calma e tente não deixar seu cachorro muito ansioso. Para isso, evite dar muita atenção a ele assim que chegar no ambiente e aja como se nada estivesse acontecendo. Depois de um tempo, dê carinho ao seu peludo.

Caso prefira e se sinta mais confortável, também existem opções como creches para cães, que deixam o seu amigo na companhia de outros bichinhos enquanto você não pode ficar com ele.

O momento de ficar sozinho

Existem alguns cuidados necessários na hora de deixar o seu animal sozinho em casa, principalmente se ele for filhote. Neste caso, é essencial ter precauções com objetos e comida, além de evitar que o cãozinho passe um longo período sozinho.

Quando o cachorro é um pouco maior ou adulto, o ideal é preparar o ambiente para que ele tenha tudo ao seu alcance:

  • Não deixe seu pet em um ambiente muito pequeno, pois isso pode gerar nervosismo para ele;
  • Deixe a área ventilada e iluminada para melhorar o bem-estar dele;
  • Forneça a quantidade ideal de alimento e água para que ele possa se alimentar e se hidratar;
  • Arrume uma caminha para que ele possa descansar confortavelmente;
  • Deixe os brinquedos à disposição do peludo, para que ele possa se distrair enquanto você estiver fora.

Gostou das dicas para aumentar o bem-estar do seu amigo de quatro patas?

Então Ssiga o nosso blog e fique por dentro de informações para manter a rotina do seu pet cada vez mais saudável. Confira também neste link o nosso aplicativo, disponível para Android e iOS.

assine nossa news

Cadastre-se e receba dicas e novidades sobre o mundo Pet. :)

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
matérias relacionadas

Como ensinar meu cãozinho a usar o tapete higiênico?

Entre as diversas responsabilidades dos tutores está a de educar. Seja educar para que os pets saibam o local de comida ou hora da brincadeira, há também a tarefa de ensinar o bichinho a fazer xixi e cocô no lugar certo. Sejam filhotes ou adultos, é possível ensiná-los. Se você enfrenta esse problema em casa, não se desespere! Confira as dicas para acabar com isso.

SAIBA MAIS

As 10 raças de cachorro mais inteligentes

Não é de hoje que os cães são super parceiros dos seres humanos – essa ligação aconteceu pela primeira vez há mais ou menos 15 mil anos, quando homens começaram a domesticar lobos, estabelecendo uma relação muito especial, com conexão profunda que evoluiu até os nossos tempos.

SAIBA MAIS

Dicas para gateiros de primeira viagem

Você está se sentindo sozinho e chegou à conclusão de que ter um gato é a melhor opção pra você? Ou sempre gostou de gatinhos e quer apenas completar a família com um bichano? Pois bem, esse texto vai te ajudar a ter todas as informações necessárias para a chegada do tão esperado peludo na sua vida. Dá uma olhada nas nossas dicas.

SAIBA MAIS

Cão e gato convivendo na mesma casa? Confira as dicas de como tornar essa convivência agradável

O primeiro contato é sempre uma surpresa: não sabemos quais serão as reações de nenhum deles, e a ansiedade pode gerar estresse nos bichinhos. Com um pouco de cuidado, atenção, dedicação e paciência, é possível fazer esse encontro se tornar em uma grande amizade entre os dois.

SAIBA MAIS
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2021 S2 PETS