fbpx
Saúde e Cuidados

Mãe de pet é mãe de verdade, sim!

Seu pet é seu filho, tem direito a cama, festa de aniversário e tudo mais? Pois é, você não está só. Uma pesquisa feita pelo IBGE e o Instituto Pet Brasil em 2018 mostrou que existem mais de 139 milhões de animais de estimação nos lares brasileiros. Além disso, o número de animais é maior que o de crianças, o que mostra que as pessoas têm optado mais pela adoção de bichos por terem filhos humanos.

Você também concorda com isso? O seu bichinho é tudo na sua vida? Seu filhote eterno?

Seu pet é seu filho, tem direito a cama, festa de aniversário e tudo mais? Pois é, você não está só. Uma pesquisa feita pelo IBGE e o Instituto Pet Brasil em 2018 mostrou que existem mais de 139 milhões de animais de estimação nos lares brasileiros. Além disso, o número de animais é maior que o de crianças, o que mostra que as pessoas têm optado mais pela adoção de bichos por terem filhos humanos. A Região Sudeste é a que conta com a maior população de pets (47,4%), seguido pelo Nordeste (21,4%), Sul (17,6%), Centro Oeste (7,2%) e Norte (6,3%).

Pesquisas apontam que mais de 10 mil pais e mães de pets brasileiros pertencem às gerações X e Y e tem entre 30 e 45 anos de idade. Esse dado mostra uma mudança de comportamento e no conceito de família dos brasileiros que considera seus animais de estimação como família, postergando ou até anulando a ideia de ter filhos seres humanos. Outro dado relevante do estudo é que 75% dos tutores é do sexo feminino, com pós-graduação e casadas ou morando com um (a) companheiro (a).

Essa informação, inclusive, tem mudado os rumos de várias empresas da área, que acreditam na transformação de comportamento dos consumidores e suas necessidades. Por conta disso, o mercado de pets está se remodelando para oferecer, cada vez mais, opções para os filhos de quatro patas (ou outras espécies), sem abrir mão do conforto e segurança. A conta é simples: aumenta o número de pets, aumenta também a quantidade e a variedade de serviços para eles, alimentando a demanda desta nova categoria familiar.  

Hoje em dia, vemos facilmente em diversos lugares camas desenhadas para determinadas raças de cachorros, aquele petisco especial para o seu peixe, serviços e lugares especializados para atendimento, tais como creches, adestradores, passeadores, babás, nutricionistas e hotéis. É evidente que as mães de pets também se preocupam com o bem-estar de seus bichinhos e, por isso, demandam produtos de qualidade. Isso também aliado ao fato de muitas mães de pets dividirem as camas com seus filhotes.

Esse tipo de maternidade acolhe e decide o melhor para o pet, mas não faz bem apenas para o animal, como também para o ser humano. Por isso, o dia 9 de maio também é o dia dessa mãe que escolheu um bicho como filho e preza tanto pelo seu bem-estar, cuidando sempre de suas necessidades.

assine nossa news

Cadastre-se e receba dicas e novidades sobre o mundo Pet. :)

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
matérias relacionadas

Como ensinar meu cãozinho a usar o tapete higiênico?

Entre as diversas responsabilidades dos tutores está a de educar. Seja educar para que os pets saibam o local de comida ou hora da brincadeira, há também a tarefa de ensinar o bichinho a fazer xixi e cocô no lugar certo. Sejam filhotes ou adultos, é possível ensiná-los. Se você enfrenta esse problema em casa, não se desespere! Confira as dicas para acabar com isso.

SAIBA MAIS

As 10 raças de cachorro mais inteligentes

Não é de hoje que os cães são super parceiros dos seres humanos – essa ligação aconteceu pela primeira vez há mais ou menos 15 mil anos, quando homens começaram a domesticar lobos, estabelecendo uma relação muito especial, com conexão profunda que evoluiu até os nossos tempos.

SAIBA MAIS

Dicas para gateiros de primeira viagem

Você está se sentindo sozinho e chegou à conclusão de que ter um gato é a melhor opção pra você? Ou sempre gostou de gatinhos e quer apenas completar a família com um bichano? Pois bem, esse texto vai te ajudar a ter todas as informações necessárias para a chegada do tão esperado peludo na sua vida. Dá uma olhada nas nossas dicas.

SAIBA MAIS

Cão e gato convivendo na mesma casa? Confira as dicas de como tornar essa convivência agradável

O primeiro contato é sempre uma surpresa: não sabemos quais serão as reações de nenhum deles, e a ansiedade pode gerar estresse nos bichinhos. Com um pouco de cuidado, atenção, dedicação e paciência, é possível fazer esse encontro se tornar em uma grande amizade entre os dois.

SAIBA MAIS
© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2021 S2 PETS